Just an insecure girl.

Estou mal. Estou desiludida e desapontada. Não é superficial, é sofrimento.
As pessoas dizem que existem dias em que nada vale a pena, mas para mim esses dias tornaram-se longos demais e parecem não ter fim. Tornou-se tudo insignificante e a minha vida resumiu-se a uma mínima parte que já não interessa a ninguém. A ninguém!
O que eu mais quero é sair deste clima e recuperar a minha auto-estima, urgentemente. Quero acordar, olhar-me ao espelho e sorrir porque o meu reflexo agrada-me, mas a questão é que nada tem resultado e parece que só piora de dia para dia. Eu sei que só preciso de curar-me por dentro e acreditar que depois desta tempestade virá um arco-íris bonito.



Pedras e paus podem partir ossos, mas nada magoa tanto como sentir-se inferior e insegura, nem mesmo quando os teus pulsos estão a sangrar, novamente.

3 comentários:

  1. Gostei da forma como escreves-te o que estás a sentir. Muita força!

    ResponderEliminar
  2. Ora essa. Obrigada eu, de coração.

    ResponderEliminar